Terça-feira, 10 de Maio de 2005

SEM IMPOR

Tu dormes embalado nos rochedos
E aos meus ouvidos vem falar o vento
Escuto, busco , chamo e não respondes,
E todo o mundo se tornou fantasma

Tu dormes - Sophia de Mello Breyner Anderson

Sei exactamente do que se trata, Sophia - ele também nunca me respondeu.
Ou quando respondeu, foi impor condições que eu não podia aceitar!
Creio que, quando se fala de amor, não se impõe nada - dá!
Por isso, optei por ficar só!
publicado por Remember às 09:12
link do post | comentar | favorito
1 comentário:
De Carmem L Vilanova a 10 de Maio de 2005 às 18:03
Nisso também acreditp, querida amiga!
Deixo-te hoje, um beijo cheio de saudades!

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Julho 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
15
16
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. ALMA

. DESAFIO

. VOLTAR

. SÓS

. EFECTIVAMENTE

. GOZAR

. NO MUNDO

. FRIO

. COISAS

. BOM LIVRO

.arquivos

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds